FantasPorto 2012

                                             
                                              Proposta da Unidade Curricular de Design Gráfico 

História de Arte.


O Movimento começou no fim dos anos 90 com o graffiti, no qual alguns artistas agora estão fora do movimento, é o exemplo do “ZONE”,”SDN”, “SEDGE”, “MASTER” (ESA CREW), ”DANK”, “KIP”, “SK 3”,”IM”, “NOPE”; a “crew” “Pilas de Plástico”  é a “crew” mais antiga da cidade (tinha eu 10 anos) e lembro-me dos seus trabalhos no estádio antigo. Eu comecei com “SK 3” no ano 2000 a fazer graffitis, inicialmente em viadutos fora do alcance de qualquer olhar de alguém,” Graffs Group era a crew apenas de dois elementos mas a arte urbana foi se alargando pela cidade até 2004. Foi nesse ano que surgiu outra “Crew”, os "ESA (ESLHENGALENGA CREW) composto pelos artistas “CROW”, “MASTER”,”PHEIKE” e “DRASAN”, estes começaram a dar mais cor com os seus graffitis pela cidade até aos anos de 2007/2008. O movimento do graffiti estava encaminhado mas a certa altura o graffiti deixou de ser feito em Guimarães, muito devido ao facto de não haver lojas de venda de latas, o que influenciou o abandono do movimento. A câmara começou a ver os graffitis como poluição visual e apagou todos os trabalhos dos artistas. A Loja de “Street Wear, ARPUC” perdurou muitos anos e até criava iniciativas de pinturas legais mas acabou por fechar o que se revelou um dos factores para a diminuição da prática dos graffitis. Depois do fecho ainda abriram outras lojas, mas duraram meses.  
No ano de 2007 eu começo com o stencil e conheço os artistas MA3,DM,RA,TBMK,LSD,4K e nesse momento começa uma nova história do graffiti e street art em Guimarães.
Em 2008 MKS, MA3,4K,RA,DM,Sanoj aka SecondDimension Movement, 2nd, Cream e SHE (uma artista de braga estudante em Guimarães que pintou bastantes obras em Guimarães) estavam em força, LSD com os seus cogumelos espalhados pela cidade, MA3 com o seu número 3 espalhado pela cidade e assim a arte foi sendo recriada. Pensava que o movimento estava encaminhado, eis que a câmara começa a apagar tudo novamente e aqui pesou muito o facto da cidade ter sido premiada Património Mundial da Humanidade, alguns dos artistas começam a deixar de pintar e resta só um ou dois. No ano de 2010 aparece “PAS aka BBC” embora não seja um artista vimaranense, este tem ligações à cidade e na minha opinião ele deu um enorme impulso ao movimento, um artista que eu admiro muito pela sua força e empenho no que diz respeito à arte urbana. BBC, T13, SPD, MN23, BKR e STONE são os futuros artistas que estão a tornar a dar vida à arte urbana na cidade. Em 2011, passados 10 anos a câmara municipal fornece um espaço legal para os artistas pintarem livremente.
Os artistas neste momento que estão em actividade são:
-MA3
-PAS
-MKS
-RA
-T13
-J
-SPD
-MN23
-MF
-BACO
-APOK (algarvio mas residente em Guimarães)
-4K

Olha como eles Olham!





Proposta de Fotografia ESAP-G

Olho Animado!

video

VER O CONTRÁRIO!










OLHAR FIRME!




    Fotos de Martin Henrik

Mais olhos K BarrigaS!

“Make A Stand” foi inicialmente o conceito , citado e usado pelo artista com formas e expressões de arte de rua, que resultaram em diferentes formas. Significa na Língua Portuguesa, por exemplo “impõe-te”, “assume uma posição”. Mais tarde surge o conceito “Mais olhos K barrigaS” que se assemelha ao conceito de “Make a Stand”/ "MKS". "Mais olhos k barrigas" é um provérbio português, que foi adaptado (uma vez que o original é: mais olhos que barriga). Esta frase, foi e ainda é muitas vezes citada na cultura popular portuguesa, por mães, avós e tias. Este projecto é um alerta para quem já tem a barriga cheia e está acomodado! Por isso, olhem mais e comam menos!

                                         
                                          

















Make a Stand!